Alguns passos que fazem a diferença na hora de organizar o recrutamento e seleção da sua empresa

05/08/17

Abertura de vaga: Para uma melhor organização do processo de recrutamento e seleção dentro de uma empresa, é aconselhável que seja formalizado a abertura da vaga. Esse procedimento deve ser feito através da criação de um formulário criado internamente, no qual deve conter principalmente: a data de abertura da vaga, características da função, perfil do candidato, previsão de fechamento, entre outras informações. É importante que esse formulário seja preenchido pelo solicitante da vaga. Com isso é realizada a abertura formal da vaga e deixa-se claro ao solicitante detalhes da vaga.

Banco de currículos: Todo recrutador já deve ter ouvido falar sobre o banco de currículos no processo de seleção, que nada mais é do que o processo de recebimento e arquivamento de currículos recebidos, portanto, ressalto a importância de manter esse banco organizado e atualizado. Uma dica importante é separar os currículos por área e não esqueça de colocar a data de recebimento, esse último no caso de currículos físicos. Uma dica também é criar uma pasta com currículos “especiais”, nesse local geralmente coloco currículos específicos de áreas que no momento não estão em aberto ou até mesmo que não exista ainda, mas que vejo com um currículo em potencial para o segmento da minha empresa.

Incluir o gestor na seleção: Esse item julgo ser de extrema importância no processo de seleção, a inclusão dos gestores/líderes, o qual o futuro colaborador irá trabalhar deve realizar uma entrevista com o candidato, para que possa juntamente com o auxílio do recrutador escolher o melhor perfil para ocupar a função.


Conhecimento técnico do entrevistador: acredito que atualmente esse item é um dos mais importantes quando se fala de seleção de pessoas, o entrevistador independentemente da sua formação deve buscar capacitar-se em entrevista para que possa atuar de forma assertiva e preparada, pois, atualmente cada vez mais devido a globalização e o acesso a informação as pessoas chegam na entrevista mais preparados.

Conhecimento da vaga e da função: considero imprescindível que o recrutador conheça a vaga que está em aberto, para conseguir ter o conhecimento global dessa posição, o recrutador deve conhecer o posto de trabalho, a equipe e suas características, e o estilo de liderança, para poder escolher o colaborador que ocupará esse lugar. 



RH em EVOLUÇÃO

Thais da Silva Scremin

Psicóloga pós graduada em Gestão de Recursos Humanos,

 Sócia Diretora na Virtude Consultoria

Atua no desenvolvimento de pessoas e organizações, como facilitadora e consultora.

Sua missão é desenvolver talentos e aprimorar políticas de gestão de pessoas,

                                                    tornando ambientes corporativos mais humanizados